Vivagreen

GreenArq

Cimento ecológico

17 de julho, 2015

Os pesquisadores da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) desenvolveram uma tecnologia para a construção que pode mudar o mercado mundial de cimentos. Totalmente ecológico, a nova substância permite dobrar a fabricação sem que seja necessário construir novos fornos e, consequentemente, sem aumentar a emissão do CO2.

O cimento tradicional é composto por argila e calcário – materiais que quando fundidos em um forno com alta temperatura, se transformam em grãos de um composto denominado clínquer. Ao serem moídos com gipsita (mineral e matéria-prima do gesso) fazem com que tudo vire pó, gerando poluição.

“Estima-se que para cada tonelada de clínquer são emitidos entre 800 e mil quilos de CO2, incluindo o CO2 gerado pela decomposição do calcário e pela queima do combustível fóssil (de 60 a 130 quilos por tonelada de clínquer)”, explica o professor Vanderley John, um dos responsáveis pelo projeto, que combina matérias-primas simples com ferramentas e conceitos avançados na gestão do processo industrial.

cimento-ecologico2

Uma pesquisa realizada pela equipe calcula que a indústria do cimento é responsável por 5% de emissão de CO2 em todo o planeta. De acordo com os estudos, a produção do material deve dobrar nos próximos 40 anos (impulsionada pelos países em desenvolvimento), o que faz com que a emissão da indústria salte para impressionantes 20%.

John explica que em laboratório, foi possível chegar a teores de 70% de filler, sendo que atualmente ele está entre 10% e 30%. Com isso será possível dobrar a produção mundial de cimento sem construir mais fornos e, portanto, sem aumentar as emissões.

A equipe de brasileiros criou a nova tecnologia com o aumento da proporção de “carga” (filler) na fórmula do cimento Portland ao adicionar dispersantes orgânicos que afastam as partículas do material, possibilitando o uso de menos água na mistura com o clínquer.

Feita com base no pó de calcário, a carga é uma matéria-prima que dispensa tratamento – este responsável por mais de 80% do consumo de energia e 90% das emissões de CO2 durante a fabricação do cimento.

Via AECweb – blogaecweb.com.br

Os comentários estão desativados.

Tweets

Vivagreen @Vivagreen1
Como funciona o processo de logística reversa de eletrônicos? #logistica #reciclar / via @Vivagreen1
h J R
Vivagreen @Vivagreen1
Oficina de Fitoterapia e Saúde Natural no Sítio Pau d'Água https://t.co/q3855o5IEI #saudenatural #organico / via @Vivagreen1
h J R
Vivagreen @Vivagreen1
BRASIL É O 4º NO MUNDO EM CONSTRUÇÕES SUSTENTÁVEIS https://t.co/d8VDQ9vaWa via @Vivagreen1
h J R

Principais posts