Vivagreen

Blog

Movimento ‘A Voz da Seca’ mobiliza por um consumo consciente

31 de Março, 2015

Jogadores do Corinthians usaram camisa estilizada do projeto do Instituto Akatu, que criou uma tipografia única para espalhar mensagens em prol de um consumo de água sem desperdício.

Viu a seca cara a cara? Sentiu na pele o que a falta de água faz? O Instituto Akatu lançou o movimento “ A Voz da Seca ”, que criou uma tipografia única a partir do solo seco do Sistema Cantareira. Isso significa que o alfabeto foi estilizado para dar voz à terra e espalhar mensagens para um consumo mais consciente, sem desperdício.

 Foto: avozdaseca.com.br / Reprodução
Essa é a “Fonte da Seca”
Foto: avozdaseca.com.br / Reprodução

.

.

.

.

.

.

.

“Com a campanha A Voz da Seca, o Instituto Akatu alerta toda a sociedade que a mobilização para agirmos nas soluções do colapso hídrico deve permanecer prioritária. Não podemos deixar que a equivocada sensação de tranquilidade por conta do período de chuvas desmobilize a população, as empresas e todas as instâncias governamentais para a necessidade de uma gestão compartilhada da crise e do consumo consciente da água. Existem muitas causas para o colapso que estamos vivendo, e a ideia é que a ‘voz da seca’ se torne a voz da mudança”, afirma Gabriela Yamaguchi, gerente de comunicação e campanhas do Instituto Akatu.

Fonte da Seca
A fonte cantareira.ttf foi produzida com fotografias do solo do sistema Cantareira. A partir das imagens do solo craquelado da estiagem de 2014, foram encontrados traços que deram origem a cada um dos caracteres da fonte. “Usamos os traços característicos do chão rachado pela falta de água para sensibilizar as pessoas. Uma imagem simples mas muito marcante, que remete às consequências que um consumo desenfreado da água pode ter para todos”, completa Zico Farina, diretor de Criação da agência DM9DDB, que assina a estratégia de comunicação do movimento.

“Cada pessoa tem ao menos uma dica ou uma mensagem interessante capaz de sensibilizar seus amigos sobre os impactos da falta de água. Com a campanha queremos disseminar estas vozes que são capazes de gerar engajamento e trazer um resultado prático para a vida das pessoas”, afirma Leo Macias, diretor de Criação da DM9.

 Foto: www.facebook.com/corinthians / Reprodução

Em jogo do Campeonato Paulista contra o Capivariano, o Corinthians vence dentro e fora de campo ao apoiar movimento em prol do consumo consciente de água

Corinthians na luta contra a seca

A campanha da DM9DDB envolve a adesão do Corinthians e uma forte campanha nas redes sociais para fazer com que todos passem a fazer o consumo consicente da água.

No Dia Mundial da Água (22 de março), o Corinthians entrou em campo pelo Campeonato Paulista com camisa customizada pela tipografia do projeto, mobiliário e anúncios impressos.

Assista ao vídeo, compartilhe, tweet e seja a voz da mudança.

Veja 7 práticas dicas práticas do movimento “A Voz da Seca” para economizar água.

1. Durante o banho, feche o chuveiro na hora de se ensaboar.
2. Com as louças, é a mesma coisa: ensaboe tudo e depois enxágue.
3. Para escovar os dentes, você não precisa deixar a torneira aberta. Um copo de água já dá conta do recado.
4. Fique de olho no encanamento. Qualquer vazamento, até o menor dos menores, já desperdiça muita, muita água.
5. Na hora de usar a máquina de lavar, acumule roupas para não usar água à toa.
6. Um balde, desses de 10 litros, já é suficiente para lavar o carro.
7 Se quiser mandar ainda melhor, reutilize a água da máquina de lavar. Quanto a lavar a calçada, nem precisa dizer o quanto isso é errado, né?

Fonte: Terra

Os comentários estão desativados.

Tweets

Vivagreen @Vivagreen1
Como funciona o processo de logística reversa de eletrônicos? #logistica #reciclar / via @Vivagreen1
h J R
Vivagreen @Vivagreen1
Oficina de Fitoterapia e Saúde Natural no Sítio Pau d'Água https://t.co/q3855o5IEI #saudenatural #organico / via @Vivagreen1
h J R
Vivagreen @Vivagreen1
BRASIL É O 4º NO MUNDO EM CONSTRUÇÕES SUSTENTÁVEIS https://t.co/d8VDQ9vaWa via @Vivagreen1
h J R

Principais posts