Notícias

Dia sem Carro em Paris teve impacto ″significativo″ na qualidade do ar

Por setembro 30, 2015 Sem comentários
parissemcarros

Mais ar limpo, menos ruído e muita diversão pelas ruas – Paris ficou exatamente assim neste domingo (27). Em ação inédita pela mobilidade sustentável e buscando reduzir a poluição atmosférica, a capital francesa fechou suas principais avenidas para o trânsito de veículos no período de 11h às 18h.
Pedestres e ciclistas ocuparam livremente os espaços antes tomados por carros para experimentar a cidade de um jeito diferente. As áreas isoladas receberam shows, exposições e uma série de outras atividades de entretenimento.

Não é a primeira vez que a cidade “barra” o tráfego de veículos em prol de outros meios de transporte, mas esta foi, sem dúvida, a mais ampla da história de Paris.

Ao todo, 11 bairos (do 1º ao 11º arrondissement), e os mais conhecidos pontos turísticos, como a avenida Champs-Élysées, a Praça da República e de Stalingrado e toda área ao redor da Torre Eiffel, entre outros, foram considerados áreas livres de carros.

Nenhum veículo de passeio motorizado foi autorizado a conduzir por essas áreas, com algumas exceções, como ambulâncias e viaturas policiais.

E a investida surtiu efeito

Segundo o órgão que regula a qualidade do ar na cidade, o Airparif, o Dia sem Carro teve impacto “significativo”, ainda que “localizado”.

“As medições mostraram um declínio médio de 20 a 40% dos níveis de dióxido de nitrogênio [um dos gases poluentes que mais causam problemas de saúde] em comparação com outros domingos”, declarou a entidade.

O final do Dia Mundial Sem carro foi coroado pelo fenômeno da Superlua, que rendeu belas imagens.

A mobilidade sustentável é uma das bandeiras da prefeita de Paris Anne Hidalgo, que nesta semana elogiou a gestão do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, pelas ações em prol do transporte público e das ciclovias.

Haddad acompanhou de perto a experiência do Dia sem Carro em Paris. A convite da prefeita parisiense, ele também participou de uma agenda para conhecer políticas públicas de mobilidade e urbanismo adotadas pela cidade.

A combinação do tráfego intenso com fatores climáticos atípicos tem sido motivo de preocupação em Paris nos último dois anos. Em 2014, a prefeitura chegou a liberar transporte público gratuito para deter os altos níveis de poluição.

Este ano, só no mês de março (que marca o fim do inverno e começo da primavera no país), a cidade precisou implementar mais de três rodízios contra a poluição.

Com a aproximação da conferência internacional sobre as mudanças climáticas, COP21, que acontece em dezembro na capital francesa, Paris quer dar o exemplo na luta contra a poluição e multiplicar ações semelhantes.

Planeta Sustentável