mataatlantica

A cidade de São Paulo vai receber ainda neste semestre o primeiro prédio residencial com Mata Atlântica na fachada. O projeto é da incorporadora Gamaro e leva a assinatura do botânico Ricardo Cardim.

A incorporação de áreas verdes residenciais é uma tendência mundial de valorização da natureza em meio ao concreto nas grandes cidades. Elas já podem ser vistas na paisagem de cidades como Paris, Milão e Nova York.

Em Paris, o condomínio Bosco Verticalle (bosque vertical, em português) foi construído com uma fachada que integra a vegetação à vida das pessoas. O projeto tornou-se um ícone da arquitetura ao vencer o International Highrise Awar, considerado o prêmio Nobel da arquitetura.

portada_05__(c)_Paolo_Rosselli_DSC_8101

O nome escolhido para o empreendimento residencial na capital paulista foi Seed (semente, em inglês). Ele vai ser lançado na Vila Olímpia e promete trazer “para o contato direto com os moradores o conceito de terraço pocket forest, que dá origem à primeira fachada integrada a espécies de floresta construída em ambiente residencial”.

Seed - Fachada

Perspectiva Seed - Gamaro 3

Seed - fachada com piscina - alta

Todas as imagens: Divulgação

Razões para Acreditar

 13

Deixe uma resposta