tinta-termica-nasa-promete-refrescar-sua-casa

Passar calor ou se render ao ar-condicionado (ou ventilador) e pagar um valor exorbitante na conta de luz? Esse costuma ser o dilema dos brasileiros nos dias de verão. Mas, no que depender da Nasa, a dúvida cruel está com os dias contados.

TIsso porque a agência americana desenvolveu uma tinta térmica que promete reduzir atemperatura no interior das casas que são pintadas com ela (sobretudo no telhado). De acordo com a Nasa, se o local possuir ventilação mínima, a tinta é capaz de diminuir em até 60% o uso de ventiladores ou ar-condicionados para refrescar o ambiente (e, consequentemente, gerar uma economia e tanto na conta de luz).

Como se não bastasse, a tinta ainda é mais barata e sustentável do que a espuma de poliuretano, material derivado do petróleo que é usado na maior parte das construções para fazer o isolamento térmico. A economia na compra chega a ser de 50% e o efeito térmico dura cerca de cinco anos. Vale ou não vale a pena?

E tem mais! Na hora de refazer a pintura, nem precisa chamar mão de obra especializada: segundo a Nasa, a tinta é de fácil aplicação e pode ser manipulada por qualquer adulto.

Com tantos benefícios, o resultado não podia ser diferente: o produto já começou a ser vendido nos EUA e está fazendo o maior sucesso por lá. Passou da hora dessa tinta térmica chegar ao mercado brasileiro, não?

The Greenest Post

Um comentário

  • Fátima Marques disse:

    Seria muito bom se a tinta tivesse um custo acessível. O Uso em escolas, hospitais e outros locais públicos, seria fantástico aqui no Brasil.

Deixe uma resposta