1-bondinho
Com esse novo sistema funcionando, deixarão de ser emitidos cerca de seis toneladas de CO2 por ano

Existem diversas fontes de energia renovável disponíveis e uma delas é a energia solar.

Seu uso está crescendo a cada dia em todo o mundo por ser considerada uma fonte limpa e sem riscos de poluir o meio ambiente.

E um dos pontos turísticos mais visitados do país, o Bondinho do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro, resolveu de tornar mais sustentável.

Em março de 2016 a Companhia Caminho Aéreo Pão de Açúcar, empresa que administra o teleférico, decidiu investir em energia solar.

Firmou uma parceria com a Panasonic e a empresa de energias renováveis Alsol e inaugurou um conjunto de dez painéis e placas solares que irão abastecer todo o complexo com energia 100% limpa, poupando cerca de seis toneladas de CO2 por ano.

O projeto começou a funcionar somente no mês de setembro, após seis meses de trabalho.

O maior desafio da empreitada foi envolver as características topográficas do local, pois o ambiente está diretamente exposto à salinidade e altas cargas de vento.

De qualquer forma, o grande objetivo e benefício do projeto é salientar a importância de se preservar o meio ambiente.

A utilização das placas e painéis já proporcionam uma economia mensal de 2 megawatts da rede convencional, o equivalente ao consumo médio de dez famílias brasileiras, segundo dados da Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

Os inversores de frequência usados foram desenvolvidos pela ABB, empresa que no ano de 1912 realizou o fornecimento dos equipamentos elétricos do primeiro bondinho e hoje contribui novamente com uma iniciativa inovadora.

Pensamento Verde

Deixe uma resposta