Blog

Na China, as boas ações podem render prêmios

Por novembro 17, 2015 Sem comentários
DaVincichina

O ditado “fazer o bem sem olhar a quem” está ganhando uma nova conotação na China.

Um “banco de bons costumes” tem feito sucesso entre a população. Ele premia pessoas com pontos associados as suas boas ações.

Por exemplo, 50 pontos para quem devolver uma carteira perdida, 300 pontos ao ajudar alguém em uma situação de risco ou até 1.000 pontos para doadores de células-tronco.

De acordo com os idealizadores, a diferença está justamente na lista de recompensas que podem ser trocadas com a pontuação.

Em vez de produtos supérfluos, as pessoas podem optar por serviços para o seu bem-estar social e que podem até estimular uma rede local de pequenos empreendedores.

Com 150 pontos, é possível ganhar um corte de cabelo, uma sessão de limpeza em casa ou um check-up médico. Agora, se a pessoa quer um pouco mais de reconhecimento, com 6 mil ela ganha o certificado de “modelo moral da comunidade”.

O banco é controverso, mas uma rede de TV chinesa mostrou o lado positivo da ideia na cidade de Yanji.

Dentre os cadastrados, muitos eram crianças e adolescentes que se sentiam orgulhosos por fazerem coisas boas e animados por terem o estímulo extra para serem pessoas melhores.

DaVinci_destacada_china2

Da Vinci

Deixe uma resposta