mao700

Você sabe onde descartar corretamente lâmpadas em São Paulo? Se a resposta for não, acompanhe os próximos parágrafos. Se a resposta for sim, ótimo! Aproveite e multiplique sua prática e atitude.

Mudei para São Paulo em março deste ano e, na mudança, trouxe duas lâmpadas para encontrar o lugar adequado de descarte. No Rio, onde estava morando, tentei buscar informalmente lugares como lojas de material de construção no trajeto entre casa e trabalho mas não tive sucesso. Então guardei as lâmpadas e me deparei com elas novamente no momento da mudança.  Aliás, mudança é sempre bom para renovarmos as energias, e jogarmos fora aquelas ‘tralhas’ que acumulamos durante os anos, correto? NÃO! Mudanças são boas para doarmos o que não usamos mais, reutilizar e reciclar aqueles móveis e objetos esquecidos, e principalmente, de destinarmos corretamente os resíduos que já não nos servem mais ou perderam sua vida útil.

Em novembro de 2014, foi assinado o acordo setorial de Logística Reversa de lâmpadas fluorescentes de vapor de sódio e mercúrio e de luz mista, previsto na Política Nacional de Resíduos Sólidos de 2010. Este acordo prevê a responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos, facilitando o reaproveitamento depois de usados (Ministério do Meio Ambiente, 2015). As metas para o recolhimento das lâmpadas são nacionais e progressivas, em um prazo de até cinco anos, e deverão ser restabelecidas após este período. No Estado de São Paulo, a estimativa é de que no primeiro ano sejam instalados 221 pontos de coleta com 486 recipientes para coleta, distribuídos em 10 cidades (FECOMERCIO SP, 2015).

Apesar da obrigatoriedade do poder público em divulgar a medida, e da conformidade legal do comerciante e fabricante, o consumidor acaba assumindo o papel principal no que diz respeito ao correto descarte de lâmpadas no Brasil. Enquanto não descobrirmos como os fabricantes estão se responsabilizando pelas lâmpadas que já não servem mais, bem como entendermos o correto processo da logística reversa, o jeito é encontrarmos lojas que aceitem e as destinem de forma ambientalmente adequada.

Por que descartar corretamente?

As lâmpadas fluorescentes possuem componentes tóxicos que, ao serem descartadas no lixo comum, podem contaminar pessoas, animais, o solo e a água. Dentro delas estão o mercúrio e o chumbo. Estes componentes químicos são muito perigosos à saúde, e o contato excessivo pode provocar náuseas, dor de estômago, entre outros sintomas. Na água, o contato com mercúrio pode contaminá-la, deixando-a imprópria para o uso. Vale destacar que o problema maior não é devido à quebra de uma lâmpada isolada, mas se considerarmos que a maioria das pessoas descarta este tipo de produto no lixo comum, esses materiais passam a oferecer riscos.

Contudo, as lâmpadas também não devem ser separadas junto aos materiais recicláveis para coleta seletiva, já que o processo de reutilização e reciclagem é diferenciado e bastante específico (para maiores informações sobre materiais recicláveis acesse o site da Prefeitura da cidade de São Paulo ou acesse Saiba como Implantar a Coleta Seletiva em Casa). É importante lembrar que os ecopontos da prefeitura de São Paulo não recebem lâmpadas para destinação.

Onde descartar em São Paulo?

O Walmart possui cerca de 250 estações de reciclagem instaladas em suas lojas, que recebem resíduos de vidro, papel, papelão, plástico e metal. A rede de supermercados também recebe lâmpadas de todos os tipos em pequenas quantidades para o correto descarte. Segundo uma atendente da rede, o cliente deve dirigir-se ao balcão de atendimento para informar-se como proceder. As lojas em São Paulo compreendem os supermercados Walmart, Sams Club, Todo Dia, Maxxi, Mercadorama e Big.

A Leroy Merlin é uma rede de varejo que possui postos de coleta seletiva em todas as unidades para recolhimento, descontaminação e reciclagem de lâmpadas fluorescentes. Elas ficam em estações externas às lojas e são armazenadas na horizontal para evitar quebras e consequentes contaminações. O site G1 disponibilizou uma lista das lojas da Leroy Merlin na grande São Paulo que aceitam lâmpadas fluorescentes (clique aqui para conferir a loja mais próxima de você).

O Hipermercado Zaffari em São Paulo, localizado no shopping Bourbon, aceita o descarte de lâmpadas fluorescentes pequenas, segundo uma atendente. Elas são armazenadas próximas aos caixas do supermercado. O endereço é Rua Turiassú, 2.100 – Perdizes, São Paulo/SP. Fone: (11) 3874 5000. De segunda a sábado das 8h às 23h.

Eu já descartei as minhas lâmpadas corretamente, e na casa nova em São Paulo, optei por usar lâmpadas LED, que iluminam mais e consomem menos, além de não possuir mercúrio e não emitir calor nem raios ultravioletas. Pequenas atitudes fazem a diferença. Pratique você também atitudes sustentáveis!

Via Autossustentável por Aline Lazzarotto

Deixe uma resposta